Cientistas dizem que alinhamento da lua com Sol causou tragédia do Titanic

Combinação inacreditável de eventos astronômicos mudaram rota de icebergs

titanic-tl
Paramout Pictures/AP

Um século depois do desastre do Titanic, os cientistas encontraram um culpado inesperado pelo acidente: a lua.

Qualquer pessoa que conheça a história ou o filme de grande sucesso sabe que a causa do acidente com o transatlântico que fará 100 anos no próximo mês foi a batida em um iceberg.

“Mas a conexão lunar pode explicar como um número extraordinariamente grande de icebergs entrou no caminho do Titanic”, disse Donald Olson, um físico da Universidade do Estado do Texas, cuja equipe de astrônomos forenses examinaram o papel da lua.

Desde que o Titanic afundou na madrugada de 15 de abril de 1912, matando 1.517 pessoas, os pesquisadores ficaram intrigados com desprezo aparente do capitão Edward Smith com as advertências de que os icebergs estavam na área onde o navio estava navegando.

Smith era o capitão mais experiente do White Star Line e havia navegado no oceano Atlântico em diversas ocasiões. Ele havia sido designado para a viagem inaugural do Titanic, porque era um marinheiro experiente e cuidadoso.

Os icebergs da Groenlândia, do tipo que o Titanic bateu, em geral ficam presos nas águas rasas, e não pode continuar migrando para o sul até que derretam o suficiente para uma maré alta libertá-los, disse Olson.

Então, como um número tão grande de icebergs flutuaram tão ao sul que estavam nas rotas de navegação bem ao sul de Newfoundland, naquela noite?

A equipe investigou uma especulação feita e pelo oceanógrafo Fergus Wood que fez uma abordagem incomum sobre o tema. Segundo ele, a lua em janeiro de 1912 pode ter produzido tais marés altas fazendo com que os icebergs da região se desprendessem muito mais do que o habitual, flutuando até rotas de navegação sentido ao sul.

Olson disse que “uma vez-em-muitas-vidas”, o evento ocorreu em 4 de janeiro de 1912, quando a lua e o sol ficaram alinhados de tal forma que atração gravitacional foi reforçada entre eles. Ao mesmo tempo, uma maior aproximação da lua com a terra naquele mês de janeiro foi a mais próxima nos últimos 1.400 anos, e que o ponto de maior aproximação ocorreu dentro de seis minutos de lua cheia.

Sua pesquisa determinou que, para atingir as rotas de navegação, em meados de abril, o iceberg que o Titanic bateu deve ter se quebrado a partir da Groenlândia, em janeiro de 1912. A maré alta provocada pela combinação inacreditável de eventos astronômicos teria sido suficiente para desalojar icebergs e dar-lhes flutuabilidade suficiente para atingir as rotas de navegação em abril, disse ele.

R7

Anúncios

Publicado em 6 de março de 2012, em Uncategorized e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: